quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Faça você mesmo..Farinha de Maracujá


O consumo da farinha tem de ser diário: uma vez ou outra não é suficiente para surtir efeito. Por isso, varie o modo de acrescentá-la no cardápio. Pode ser no suco, no iogurte, na salada, na sopa. O ideal, porém, é consumir uma colher de sopa (10 gramas, 47 calorias) antes das três principais refeições.

Não adianta usar a farinha de maracujá e abusar da gordura e do açúcar. Portanto, aproveite para cortar alguns excessos à mesa e faça algum tipo de atividade física (vale até uma caminhada de 30 minutos pelo bairro dia sim, dia não). Vai experimentar? Conte para a gente o resultado!

Faça em casa.....


Existem várias opções de farinha da casca do maracujá feitas por laboratórios farmacêuticos, à venda em farmácias e lojas de produtos naturais. Não compre o produto em saquinhos sem identificação, barracas de rua ou feiras livres. Se preferir, pode preparar a farinha em casa. Use, de preferência, maracujá orgânico – sem agrotóxico.

Veja como fazer...


• Lave e mergulhe seis maracujás por 20 minutos numa mistura de água com bicarbonato de sódio (1 colher de sopa por litro) ou vinagre. Volte a passá-los em água corrente.
• Corte-os ao meio, retire a polpa e guarde para fazer suco.
• Corte a casca em tirinhas, ponha numa assadeira e asse em forno médio por cerca de 30 minutos ou até que fiquem sequinhas. Espere esfriar.
• Bata no liquidificador (ou passe no processador) até obter uma farinha.
• Passe pela peneira e guarde num recipiente limpo e tampado.
Nutrientes extras
A farinha de maracujá é fonte de várias vitaminas e minerais.
• Niacina (vitamina B3): atua na produção de hormônios, melhora a ansiedade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget